Venture Builder: saiba tudo sobre o novo modelo de negócios

Você sabe o que é uma venture builder? Então, conheça agora tudo sobre o modelo de negócios mais inovador do momento.

O mercado está em constante mudança, e da mesma forma, os modelos de negócios. Impulsionado pela tecnologia, globalização e informação descentralizada, o mundo exige cada vez mais flexibilidade e adaptação das empresas e das pessoas. 

Já parou para pensar como fazíamos negócios há 15 anos atrás sem redes sociais? Afinal, como era a presença de marca da sua empresa ou como ela se comunicava com os consumidores? 

Em resumo, tudo mudou e continuará mudando. As relações não serão mais as mesmas, a forma como conquistamos e mantemos clientes também. Antes de tudo, cabe ao empreendedor tirar proveito do novo ecossistema, identificar oportunidades e criar empresas inovadoras que sustentem novos modelos de trabalho e levem adiante ideias disruptivas.

 

O que é uma Venture Builder?

Venture Builder, ou as chamadas “startup studios”, são empresas pautadas na nova economia e na cultura de Open Innovation que criam e desenvolvem outras startups em estágios iniciais ou médios. Atuam ativamente no business plan, assim como, validam hipóteses e jogam a ideia para o mercado.

Além disso, a Venture Builder desempenha diversas atividades complementares para o sucesso do negócio e crescimento da empresa. Na maioria das vezes aportando capital próprio ou de terceiros, através de um fundo de investimento (fundo de Venture Capital por exemplo) ou investidores anjo.

Em síntese, o principal objetivo é atingir a máxima valorização do aporte investido nas startups até que o Exit ocorra.

 

Mas afinal, como funciona uma Venture Builder?

O processo de uma Venture Builder inicia-se pela captação de ideias embrionárias assim como, projetos já iniciados e vão até o aporte financeiro nas rodadas de investimentos premeditadas.

Assim, algumas das atribuições no meio do caminho desempenhadas são validação do projeto no mercado, prestação de serviços agregados como marketing, comercial, financeiro, jurídico, e mensuração de resultados e riscos. Ainda mais: desenho de roadmap e levantamento de rodadas de investimentos, bem como apoio com infraestrutura e redes de networking, até a construção de times e BPO (Business Process Outsourcing).

Em contrapartida das atribuições, os sócios da startup ou projeto acelerado deverão ceder cotas de participação para dar início ao processo e captação de investimento.

 

Venture Builder X Aceleradoras e Incubadoras

Existem algumas diferenças marcantes entre Venture Builders, aceleradoras e incubadoras, confira quais são elas na tabela abaixo:

 

Diferenças

Venture Builder

Aceleradoras e Incubadoras

Modelo de negócio

Costuma ser enxuta e formada por um time multidisciplinar e generalista. Ademais, possuem metodologias e processos próprios, desde a pesquisa de mercado até o desenvolvimento de soluções, validação e captação de investimentos. Costumam ter equipes maiores e muitas vezes um banco de mentores disponível para eventuais necessidades das startups, não necessariamente focados apenas no negócio. Bem como, possuem programas de aceleração e incubação de empresas bem formatados.

Investimento financeiro

Participa como vetor ativo na captação de investidores ou fundos de capital em diversas rodadas de investimento. Ou então, investe nas startups com capital próprio. Normalmente participa ativamente no levantamento da primeira rodada de investimento, ou seja, não estende a relação em outros estágios de maior maturação.

Tempo de duração da relação com as startups

Mais longo, pode acompanhar a startup desde que esteja em estágio zero até rodadas de investimento anjo até séries E, etc. Mais curto, pode variar entre 3 a 18 meses, entretanto, na maioria dos casos dura menos de 12 meses.

Nível de envolvimento

Consistem em um nível maior de envolvimento, pois o time da Venture torna-se membro atuante do projeto, desempenhando diversas funções estratégicas e operacionais. Consistem em um nível menor e mais distante de envolvimento. Além disso, prestam serviços de capacitação e mentoria, e fornecem rede de networking. 

Apoio com infraestrutura, recursos e expertise

Presta apoio de recursos de investimento, equipe, serviços complementares conforme necessidade da startup, expertise de mentores e outras startups, etc. Oferece recursos como infraestrutura, mentorias, opções de financiamento, assim como captação de investidores, disponibilidade de espaços físicos, etc.

Formas de monetização

Depende muito dos recursos captados e dos quais serão necessários para aplicação (serviços, time, etc.). Por exemplo, no caso da annimo.co, o equity share é de 15%. As aceleradoras costumam pegar entre 10 a 20% de equity share. Em contrapartida, as incubadoras, geralmente, costumam pegar até 10% de equity share.

Estágio de maturidade

Desde que em estágio zero até startup já consolidada no mercado. O foco está na viabilidade da ideia e time de fundadores. Costumam aceitar startups em estágios iniciais em contrapartida, mais desenvolvidos, avaliam a maturidade da empresa logo no processo seletivo por Editais.

Tamanho do portfólio

Tende a ser pequeno para que a Venture possa focar seus esforços e time com maior afinco. Tendem a ser maiores e captados através de editais. Assim como a captação se dá por forma de editais e processo seletivo melhores startups.

 

Conheça o programa de Venture Building annimo.co

Composto pela união de 3 empresas: a Venture Builder abstrato.co, EXXAS e F&M Business Solutions, o programa da Venture Studio annimo.co percorre uma jornada ampla capaz de profissionalizar todos os âmbitos de uma startup e prepará-la para novas rodadas de investimento.

Bem como o montante de capital pode girar em torno de até 5 milhões de reais e possui duração de 18 meses. 

Em seguida, confira agora as fases do programa:

  • Fase 1.0:

    • Compliance
    • Alinhamento societário
    • Start Planejamento Financeiro
  • Fase 2.0:

    • Jurídico
    • LGPD
    • Contabilidade
    • BPO Financeiro
    • Estágios de maturidade
  • Fase 3.0:

    • Plano de Marketing e Inovação
    • Planejamento Tributário
    • Plano Financeiro
    • Sistema Social de Governança
    • Gestão da Mudança e Disseminação de Cultura
    • Gestão de Stakeholders
    • Modelos de Parceria de Canais e Expansão
  • Fase 4.0:

    • Branding
    • Processo Comercial
    • Ferramentas: Website / Landing Pages / CRM
    • Assessoria de Growth
    • Go to Market
  • Fase 5.0:

    • Captação de investimento: rodada Seed 

*Mediante mútuo conversível de acordo com o montante do aporte

 

Enfim, gostou do conteúdo e quer saber mais sobre? 

Assine nossa newsletter para não perder nenhuma notícia e fique por dentro de nossas novidades e conteúdos exclusivos! 

Compartilhe

Mais Posts

Inscreva-se na Newsletter

Venture Builder 
#OpenInnovation

Copyright 2021 © All rights Reserved. Design by abstrato.co